Academia Cbn - Mario Sergio Cortella

Academia Cbn - Mario Sergio Cortella

Synopsis

Reflexões e provocações sobre o cotidiano e as relações humanas.

People who listen this also listen:


Episodes

  • Turbulência temporal
    Turbulência temporal
    Duration: 02min | 15/11/2019

    O tempo tem turbulências e alterações na nossa memória. Toda lembrança é seletiva.

  • Nunca melhora seu estado quem muda só de lugar, mas não de vida nem de hábitos
    'Nunca melhora seu estado quem muda só de lugar, mas não de vida nem de hábitos'
    Duration: 02min | 14/11/2019

    Mario Sergio Cortella lembra da frase do escritor espanhol Francisco de Quevedo para falar das pessoas que simulam um novo modo de agir e pensar, parecendo que melhoraram de postura, mas a mudança é precária e carrega tudo que era vicioso do estado anterior.

  • A vida, muitas vezes, parece obra de ficção criada por uma mente doentia
    A vida, muitas vezes, parece obra de ficção criada por uma mente doentia
    Duration: 02min | 13/11/2019

    Mario Sergio Cortella diz que a vida tem seus 'modos de brutalidade', mas destaca que algumas pessoas vivem situações que parecem inventadas, porque conseguem ultrapassar uma condição de maldade ou falta de inteligência. Ele lembra de uma frase do poeta paulista Cassiano Ricardo, que escreveu que 'não é a morte que me põe medo, é a vida'.

  • Toda agressão ao meio ambiente é autofágica
    'Toda agressão ao meio ambiente é autofágica'
    Duration: 02min | 12/11/2019

    Mario Sergio Cortella fala da urgência em cuidar da natureza, porque dela dependemos para viver. Ele lembra que muita gente tem relativizado esse cuidado, esquecendo da lógica simbiótica dessa relação com o homem, mas, segundo ele, qualquer ferida no meio ambiente é autodestrutiva. 'Tudo que for feito ao hospedeiro vai acontecer ao hóspede, que somos nós, seres humanos', afirma.

  • A omissão pode ser cumplicidade
    A omissão pode ser cumplicidade
    Duration: 02min | 11/11/2019

    Há pessoas que, antes de iniciarem uma ação que confronte algo que não deve acontecer, recuam justamente por temer qualquer tipo de ação. "Quando se cede ao medo do mal, já se nota o mal do medo". Isto é, o primeiro grande mal que o próprio mal coloca é o medo que ele produz de enfrentá-lo.

  • O mausoléu é a última loucura dos ricos e a mais engraçada
    O mausoléu é a 'última loucura dos ricos e a mais engraçada'
    Duration: 02min | 08/11/2019

    Mario Sergio Cortella cita frase do escritor americano Ambrose Bierce para falar das pessoas que até na hora da morte atribuem a si mesmas um valor muito acima do que aquele que, de fato, construíram em vida. Para o comentarista, é evidente que o legado de alguém tem um significado, mas algumas pessoas acabam deixando uma marca de desnecessária ostentação.

  • Algumas pessoas têm uma ignorância conveniente para se desculpar do que fazem
    Algumas pessoas têm uma 'ignorância conveniente' para se desculpar do que fazem
    Duration: 02min | 07/11/2019

    Mario Sergio Cortella explica que, diante da incapacidade de assumir uma falha, elas simulam uma esperteza que não carregam e tentam driblar o caminho mais correto num diálogo ou argumentação. Para o comentarista, são pessoas 'incultas', porque não cultivam a possibilidade de ser mais inteligente, com humildade de conhecimento.

  • A intuição não dispensa a reflexão
    A intuição não dispensa a reflexão
    Duration: 02min | 05/11/2019

    Algumas pessoas acreditam tanto no próprio 'faro' que dispensam qualquer aprofundamento ou análise mais criteriosa e até desqualificam outras formas de conduzir algum tipo de processo ou projeto. Mario Sergio Cortella explica que o chamado 'feeling' até existe, mas não tem esse papel tão decisivo, porque ele pode fazer a pessoa 'escorregar'.

  • A gratidão como devolução devida
    A gratidão como devolução devida
    Duration: 02min | 04/11/2019

    Quando se faz algo por alguém ou de alguém recebemos algum tipo de favor ou ajuda, o que se espera em retorno, pelo menos, é gratidão. Mario Sergio Cortella diz, no entanto, que agradecer não é uma necessidade imperativa, mas a ideia de ingratidão vem se impondo na convivência humana.

  • O epitáfio é uma tentativa de deixar um legado
    O epitáfio é uma tentativa de deixar um legado
    Duration: 02min | 01/11/2019

    Mário Sérgio Cortella propõe uma reflexão sobre como todos partem, mas querem ficar de algum modo. Machado de Assis, em uma das suas obras mais conhecidas, Memórias Póstumas de Brás Cubas, escreveu: "Gosto dos epitáfios; eles são, entre a gente civilizada, uma expressão daquele pio e secreto egoísmo que induz o homem a arrancar à morte um farrapo ao menos da sombra que passou".

  • O legado de Carlos Drummond de Andrade
    O legado de Carlos Drummond de Andrade
    Duration: 02min | 31/10/2019

    O poeta, que completaria nesta quinta-feira 117 anos, é, segundo Mario Sergio Cortella, uma daquelas pessoas que, no campo da arte, possuía uma capacidade estética capaz de dar um valor persistente àquilo que produziu. Segundo ele, a obra intangível de Drummond tem como marca a unicidade.

  • Se a fonte não for pacífica, não haverá paz política
    Se a fonte não for pacífica, não haverá paz política
    Duration: 02min | 30/10/2019

    Mario Sergio Cortella lembra que alguns, em nome da construção da paz, querem edificar a brutalidade, e aquilo que é elegido com violência, assim precisa ser sustentado. Mas ele destaca que 'ditadura de qualquer viés só fica em pé com uma exclusão'.

  • A arte do improviso não é para amadores
    A arte do improviso não é para amadores
    Duration: 02min | 29/10/2019

    Para Mario Sergio Cortella, improvisar exige uma preparação, ou seja, uma organização mental anterior, e um tempo de experiência para que a pessoas não se limite a repetir o tempo todo, do mesmo modo, as mesmas coisas. Segundo ele, o discurso improvisado deve ter uma 'marca de substantividade' para não ficar apenas no encadeamento solto de palavras desprovidas de conteúdo.

  • A retórica furiosa como dissimulação
    A retórica 'furiosa' como dissimulação
    Duration: 02min | 28/10/2019

    Mario Sergio Cortella analisa a postura de pessoas que adotam um discurso de defesa da moral, mas que, na prática, agem de maneira oposta. Ele alerta que, antes de fazer qualquer tipo de exaltação de si mesmo como sendo alguém que protege o campo da decência, é preciso agir eticamente.

  • Redes sociais viraram tribunal para as famílias
    Redes sociais viraram 'tribunal' para as famílias
    Duration: 02min | 25/10/2019

    Mario Sergio Cortella diz que a internet, com os grupos familiares, se tornou um ambiente de vigilância e julgamento contínuos. Segundo ele, isso é algo que já existia antes, mas que, agora, isso é sentido com maior intensidade.

  • A hesitação é necessária para sair do hábito
    A hesitação é necessária para sair do hábito
    Duration: 02min | 24/10/2019

    Mario Sergio Cortella reconhece que é mais fácil agir quando seguimos uma rota que já conhecemos, mas ele lembra que, para criar algo inédito, é preciso uma 'pausa mais meditada'. Isso, segundo ele, significa entender que, de vez em quando, a dificuldade se impõe porque 'se quer comunicar não só o novo, mas também o certo'.

  • A capacidade destrutiva do ser humano
    A capacidade destrutiva do ser humano
    Duration: 02min | 23/10/2019

    A humanidade pode ser muito perigosa em relação à vida em geral. Nós temos encontrado, com uma frequência avassaladora, sinais da nossa capacidade destrutiva. Jean Rostang, biólogo e filósofo, uma vez escreveu: "Todas as esperanças são permitidas ao ser humano. Mesmo a de desaparecer".

  • A culpa nunca é do espelho
    A culpa nunca é do espelho
    Duration: 02min | 22/10/2019

    Cortella traz hoje o conceito de 'imagem distorcida', ou 'causa invertida'. Aquela velha história de a pessoa dizer sempre: 'eu não sou assim, o que falam de mim é sem sentido....' Há muita gente que não é capaz de uma auto-compreensão que seja transparente. Acontece com qualquer um de nós e caímos numa armadilha perigosa de ter sobre nós uma concepção que não condiz com a realidade.

  • O enfrentamento imbecil é sinal de ignorância e mostra a degradação do ser humano
    O enfrentamento 'imbecil' é sinal de ignorância e mostra a degradação do ser humano
    Duration: 02min | 21/10/2019

    Mario Sergio Cortella fala sobre os 'tempos de cólera' que vivemos atualmente, em que muita gente se agride por causa de ideias e escolhas diferentes. Segundo ele, esse confronto não só é desnecessário como negativo, à medida em que nada acrescenta.

  • Em vez de chorar sobre os erros, devemos aproveitá-los para tirar uma lição
    Em vez de chorar sobre os erros, devemos aproveitá-los para tirar uma lição
    Duration: 02min | 18/10/2019

    Segundo Mario Sergio Cortella, muita gente, quando tropeça, fica boa parte do tempo resmungando, em vez de buscar aprender com o deslize. Nesse sentido, a incorporação da falha, explica o comentarista, precisa ser feita para muito além da mera lamentação. 'A gente não aprende com os erros, aprende com a correção' deles, destacou Cortella.

  • As dificuldades ensinam a escrever melhor
    As dificuldades ensinam a escrever melhor
    Duration: 02min | 17/10/2019

    Mario Sergio Cortella destaca que, quem se dedica a escrever, sabe o quanto é necessário ter como ponto de partida uma facilidade que venha do prazer. Segundo ele, o aperfeiçoamento vem, em grande medida, de uma dedicação intensa, mas também dos obstáculos enfrentados pelo caminho.

  • As consequências de uma visão limitada da realidade
    As consequências de uma visão limitada da realidade
    Duration: 02min | 16/10/2019

    Mario Sergio Cortella fala das pessoas que não são capazes de enxergar além de si mesmas, ou seja, que estão o tempo todo reclusas dentro do próprio modo de pensamento, e, portanto, se aprisionam num mesmo modo de ser. Segundo ele, essa 'limitação ótica' acaba trazendo uma série de desvantagens, como uma redução da capacidade de convivência.

  • A docência não é só uma profissão, é acima de tudo uma maneira de ser
    'A docência não é só uma profissão, é acima de tudo uma maneira de ser'
    Duration: 02min | 15/10/2019

    Neste Dia do Mestre, Mario Sergio Cortella faz uma homenagem aos professores e professoras, com quem, segundo ele, aprendemos não só o que diz respeito ao conteúdo científico, mas também a conviver em sociedade. O filósofo diz que uma das marcas dessa 'existência partilhada' é a emoção.

  • A eloquência, às vezes, serve apenas para iludir
    A eloquência, às vezes, serve apenas para iludir
    Duration: 02min | 14/10/2019

    Mario Sergio Cortella fala de pessoas que são capazes de 'falar bem', mas com a intenção de 'driblar' a verdade, ou seja, de 'transformar aquilo que não é em algo que se quer que seja'. Segundo ele, ainda que essa 'habilidade' não esteja conectada à noção de veracidade, 'não está excluída do mundo da docência, do jornalismo ou do mundo empresarial', por exemplo.

  • Precisamos respeitar a fé ou a falta de fé do outro
    Precisamos respeitar a fé ou a falta de fé do outro
    Duration: 02min | 11/10/2019

    Mario Sergio Cortella, no entanto, faz um alerta em relação aos 'falsos devotos', aqueles que têm na religião apenas um modo oportunista de viver a vida. 'Alguém não é menos humano por ser devoto, mas quando falseia sua devoção', afirma o comentarista.

  • A pobreza de se acumular muito
    A pobreza de se acumular muito
    Duration: 02min | 10/10/2019

    Nesta quinta-feira, Cortella fala sobre gente que tem uma vida muito empobrecida, porque só tem bens materiais. Claro que estes bens não são descartáveis, mas não são a essência de uma vida. É necessário fazermos um alerta a nós mesmos: a posse não pode ser exclusividade ou a essencialidade.

  • Muitas vezes, o brasileiro se apequena
    Muitas vezes, o brasileiro se apequena
    Duration: 02min | 09/10/2019

    Mario Sergio Cortella comenta a imagem reduzida que o povo brasileiro tem de si mesmo. Segundo ele, essa avaliação depreciativa nem sempre corresponde à realidade, embora, em alguns momentos, o país se coloque como uma democracia menor diante do resto do mundo.

  • A necessidade de reflexão antes de reagir às informações das redes sociais
    A necessidade de reflexão antes de reagir às informações das redes sociais
    Duration: 02min | 08/10/2019

    Mario Sergio Cortella fala sobre as ideias que produzem efeito danoso quando as assimilamos. Segundo ele, com a velocidade do mundo digital, é cada vez mais necessário meditar sobre o que é divulgado na internet para não ter uma 'indigestão'.

  • Silêncio inteligente, serviço generoso
    Silêncio inteligente, serviço generoso
    Duration: 02min | 07/10/2019

    Pessoas que nos prestam o serviço de não perder tempo com manifestação esvaziada. É necessário a generosidade de poupar as pessoas de ouvir tolices.

  • Os trocadilhos que provocam reflexão
    Os trocadilhos que provocam reflexão
    Duration: 02min | 04/10/2019

    Mario Sergio Cortella diz que algumas pessoas têm a capacidade de gerar observações que acabam conduzindo nosso pensamento a uma outra direção. Ainda que seja a forma mais banal de humor, segundo o comentarista, há trocadilhos que oferecem densidade reflexiva.

Informações: